Acto de contrição

from by HANGING BY A NAME

/

lyrics

ousaste então gritar
ao mundo
toda uma enorme contrição de embaraço

que nega o teu próprio existir
e excomunga o teu ser
numa abnegação sem remorso nem dor

mãe
aqui me confesso
como o vil bastardo que sou

sem
pedir teu indulto
que não mereço favor

e a ti me lanço aos pés
sem cura nem remissão
que do que me acusam eu sei
culpado ser sem perdão

não
eu não

mais irei
julgar outrem

pois eu
sou somente humano

e nesse momento quebrou
a amarra o aperto
que sufocava teu peito

e te impunha um credo não teu
de seres perfeito
e incapaz de colapso

não
eu não

julgar outrem
mais irei
eu não

credits

from A areia na engrenagem, released December 24, 2015

tags

license

about

HANGING BY A NAME Coimbra, Portugal

HANGING BY A NAME is first and foremost the result of the collaboration of the three musicians that make up the band. Duarte Feliciano (Guitar and Vocals), Adílio Sousa (Bass Guitar) and Renato Costa (Drums) are a trio by choice, not by accident. A complex alternative power rock framework, that aggregates music with literature, visual arts giving birth to something new and full of individuality. ... more

contact / help

Contact HANGING BY A NAME

Streaming and
Download help